//Espanhol – Prova CLDF-2018 – Gabarito Extraoficial

Espanhol – Prova CLDF-2018 – Gabarito Extraoficial

Olá a todos!

Adiante, como havíamos informado anteriormente, aqui no site, vamos comentar algumas questões de língua espanhola. Então, hoje, vamos comentar a prova de língua espanhola CLDF-2018 (banca FCC).

Para início de conversa, pelo material que recebemos, as provas para todos os cargos foram iguais e, como antecipamos para os nossos alunos, as questões versaram somente sobre interpretação de texto.

Adiante a tradução livre do texto e comentários das questões e nosso gabarito extraoficial.

Prof. Adinoél

 

Texto da Prova

Tradução Livre do Texto

A Câmara de Representantes sancionou hoje o projeto de lei que busca prevenir, investigar, perseguir e sancionar (punir) o tráfico e a exploração de pessoas, assim como a atenção, proteção e reparação das vítimas.

A iniciativa, que foi aprovada por 68 votos dos 72 legisladores presentes, consta de cinquenta artigos e nela se define o tráfico como uma forma de submissão e uso lucrativo das pessoas que viola gravemente seus direitos humanos.

O projeto estabelece princípios diretores que seguem os padrões internacionais, entre os quais figura o princípio da igualdade e não discriminação; a prioridade dos direitos humanos das vítimas, o interesse superior das meninas, meninos e adolescentes e a confidencialidade, assim como a gratuidade das prestações de atenção psicossocial, médica e defesa jurídica das vítimas.

No capítulo II se cria um ente diretor e articulador das políticas para levar adiante, denominado Conselho Nacional de Prevenção e Combate ao Tráfico e à Exploração de Pessoas, organismo internacional e com composição mista, pública e privada, de forma tal que possa articular políticas setoriais em relação à problemática que se lhe apresenta. Este Conselho será presidido por um representante do Ministério do Desenvolvimento Social e se completará com um delegado dos Ministérios das Relações Exteriores, Economia e Finanças, Defesa Nacional, Trabalho e Saúde Pública, aos quais se soma um representante do INAU, um do Ministério Público da Nação, um do Poder Judiciário e três representantes da sociedade civil.

A iniciativa, que agora se transformará em lei, cria além disso o Sistema Nacional de Denúncias sobre Tráfico e Exploração de Pessoas com o fim de centralizar a informação sobre este tipo de criminalidade e gerar políticas adequadas para combater e prevenir o delito e facilitar a denúncia e o trânsito pelo sistema de justiça.

 

Comentários da questão 29

A questão queria saber qual das alternativas estava correta em relação tema principal do texto apresentado.

A alternativa A afirma que, sobre o texto, é correto afirmar que seu tema principal é um projeto de lei que se destina especificamente a prevenir, investigar, perseguir e sancionar (punir) o tráfico e a exploração de pessoas, assim como a atenção, proteção e reparação das vítimas. Isso está correto e vai ao encontro do primeiro parágrafo do texto. Vejam:

Esta alternativa é o gabarito extraoficial para a questão.

A alternativa B afirma que, sobre o texto, é correto afirmar que seu tema principal é uma emenda à lei que se destina especificamente a prevenir, investigar, perseguir e sancionar (punir) a exploração de pessoas. Isso está errado. O texto afirma que a Câmara de Representantes sancionou (aprovou) um projeto de lei e não uma emenda à lei.

A alternativa C afirma que, sobre o texto, é correto afirmar que seu tema principal é uma emenda à lei que se destina especificamente a prevenir, investigar, perseguir e sancionar a atenção, proteção e reparação das vítimas. Isso está errado. O texto afirma que a Câmara de Representantes sancionou (aprovou) um projeto de lei e não uma emenda à lei.

A alternativa D afirma que, sobre o texto, é correto afirmar que seu tema principal é uma emenda à lei que se destina especificamente a prevenir, investigar, perseguir e sancionar o tráfico e a exploração de pessoas, assim como a atenção, proteção e reparação das vítimas. Isso está errado. O texto afirma que a Câmara de Representantes sancionou (aprovou) um projeto de lei e não uma emenda à lei.

A alternativa E afirma que, sobre o texto, é correto afirmar que seu tema principal é um projeto de lei que se destina especificamente a prevenir, investigar e sancionas os tráficos e imigrações ilegais. Isso está errado. O texto não comenta nada sobre imigrações ilegais.

 

Comentários da questão 30

A questão queria saber algo do texto a respeito do “Sistema Nacional de Denuncias sobre Trata y Explotación de Personas“. Vamos olhar para as alternativas.

A alternativa A afirma que segundo o texto será criado ademais um “Sistema Nacional de Denuncias sobre Trata y Explotación de Personas” que será presidido por um representante do Ministério do Desenvolvimento Social, do INAU, do Ministério Público da Nação, do Poder Judiciário e três da sociedade civil. Isso está errado. O órgão que será presidido pelas representantes citados na alternativa é o “Consejo Nacional de Prevención y Combate a la Trata y la Explotación de Personas“. Ver o quarto parágrafo do texto.

A alternativa B afirma que segundo o texto será criado ademais um “Sistema Nacional de Denuncias sobre Trata y Explotación de Personas” que se encarregará de que o sistema de justiça seja colocado em alerta sobre as denúncias feitas por tráfico e exploração de pessoas. Isso está correto. Vejam o último parágrafo do texto:

Esta alternativa é o gabarito extraoficial para a questão.

A alternativa C afirma que segundo o texto será criado ademais um “Sistema Nacional de Denuncias sobre Trata y Explotación de Personas” que consta de cinquenta artigos e estabelece princípios diretores que seguem os padrões internacionais. Isso está errado. O “Sistema Nacional de Denuncias” é um órgão. Quem tem 50 artigos é o projeto de lei aprovado. Vejam o parágrafo segundo do texto.

A alternativa D afirma que segundo o texto será criado ademais um “Sistema Nacional de Denuncias sobre Trata y Explotación de Personas” que centraliza as ações do Ministério de Desenvolvimento Social, das Relações Exteriores, Economia e Finanças, Defesa Nacional, Trabalho e Saúde Pública. Isso está errado. Conforme o último parágrafo do texto, “Sistema Nacional de Denuncias sobre Trata y Explotación de Personas” centraliza informação e não órgãos.

A alternativa E afirma que segundo o texto será criado ademais um “Sistema Nacional de Denuncias sobre Trata y Explotación de Personas” que é um ente diretor e articulador das políticas setoriais em relação ao problema das imigrações ilegais no país. Isso está errado. O texto não comenta nada sobre imigrações ilegais.